Endolimax Nana: O Que é? Quais os Sintomas? Tem Tratamento?

Os parasitas habitam, naturalmente o trato digestivo dos humanos. A endolimax nana, por exemplo, não costuma causar problemas ao seu hospedeiro. No entanto, algumas vezes ela podem causar alguns desconfortos, mesmo não oferecendo risco à vida humana.

O que é Endolimax nana

A endolimax nana, nada mais é do que um protozoário saprofita. Essa é a denominação dada aos usuários que se alimentam através da absorção de substâncias orgânicas, normalmente em decomposição.


De uma forma geral, esses parasitas habitam o trato digestivo humano sem causar qualquer problema. No entanto, raramente, podem ocasionar problemas.

A Endolimax nana, bem como a Entamoeba coli são protozoários não patogênicos e comensais do intestino humano. Eles são encontrados em quase todos os países do mundo. No entanto, sua frequência é maior em regiões de clima tropical, bem como em locais em que a população possui um mais baixo nível sócio-econômico e higiênico-sanitário.

O que é um Parasitose Intestinal

As parasitoses intestinais, nada mais são do que infecções causadas por parasitas no intestino. Esses parasitas podem ser helmintos ou protozoários e tem uma relação direta com as condições de saneamento básico, higiene, educação e habitação da população. Por isso, elas ocorrem principalmente em locais onde tais condições são mais precárias e deficitárias.

uma pessoa com dores abdominais

Sintomas do Endolimax nana

Os sintomas mais comuns e frequentes das parasitoses intestinais são:

  • Dores abdominais (dor de barriga)
  • Diarreia
  • Gases
  • Falta de apetite
  • Perda de peso
  • Vômito e náuseas
  • Tosse
  • Febre
  • Falta de ar
  • Anemia
  • Coceira no ânus
  • Desejo de comer coisas diferentes, tais como areia, terra e etc.

Diagnostico

Visto que os sintomas são comuns a diversas outras doenças, o diagnóstico clínico de Endolimax nana é um tanto incerto. Vale lembrar ainda que, na sua faze aguda, a amebíase pode facilmente ser confundida com:

  • Disenteria bacilar
  • Salmoneloses
  • Síndrome do cólon irritado
  • Esquistossomose

Já o diagnóstico laboratorial é mais preciso, ou seja, a realização de exames pode dar a certeza da parasitose. Isso porque a análise tem como objetivo encontrar cistos e/ ou trofozoitos nas fezes do paciente. Também pode ser feitos outros exames, como o soro de exsudatos.

Tratamento para Endolimax nana

O tratamento para endolimax nana é relativamente simples e para isso são utilizados 3 grupos de medicamentos:

  1. Amebidicas, que irão atuar na luz intestina com ação direta e de contato com o parasita. Esses medicamentos são aqueles derivados da quinoleína, eritromicina, paramomicina, furoato de diloxina, cloroibetamida, clorofenoxamida e etofamida
  2. Amebicidas tissulares, que irão atuar no fígado e na parece do intestino. Eles são aqueles compostos por cloridrato diidroemetina, cloridrato emetina e cloroquina, sendo que a última atua somente no fígado.
  3. Amebicidas que atuam na luz intestinal e também nos tecidos.

Os antibióticos são utilizados de forma mais isolada ou combinados com outros amebicidas. O tratamento escolhido irá depender do quadro clínico e da recomendação de cada médico.

Pergunta dos leitores

Endolimax nana visto de um microscópio

Albendazol é um bom tratamento para Endolimax nana?

Sim, albendazol pode ser utilizado para o tratamento da endolimax nana. No entanto, esse não é o único medicamento que pode ser utilizado. Vale lembrar que é o médico que deve avaliar cada caso e determinar qual o melhor tratamento para cada manifestação.

No entanto, sem a presença de sintomas, a endolimax nana não precisa ser tratada. Isso porque é um parasita que vive normalmente no intestino e raramente causa qualquer tipo de problema.

O verme nana é muito perigoso?

Não, nem um pouco. A endolimax nana habita naturalmente o intestino humano. Quando estão em equilíbrio, não causam qualquer tipo de problema. No entanto, raramente podem ocasionar problemas como desconforto, diarreia e os demais sintomas já citados, mas nada grave.

Tem algum remédio caseiro para Endolimax nana?

As parasitoses intestinais podem ser tratadas com uma série de plantas medicinais. Essas plantas devem possuir ação antiparasitária, sendo eficientes na eliminação dos vermes. No entanto, é importante não abusar e usar esses remédios naturais apenas a cada 6 meses ou logo após a confirmação da presença do verme. Veja algumas opções de remédios caseiros para endolimax nana e outros vermes:

  • Leite com hortelã

Misture 100 ml de leite desnatado com 4 talos e 10 folhas de hortelã e bote para ferver. Depois de esfriar, acrescente 1 colher de mel e tome cerca de 1h antes do café da manha por 7 dias.

  • Chá de arruda com semente de mamão

Ferva 1 colher de folhas secas de arruda, 1/2 colher de sementes de mamão e 1 xícara de água. Coe e beba morno.

  • Azeite de alho

Em uma garrafa, ponha cerca de 700ml de dentes de alho descascados e levemente amassados. Acrescente 500ml de azeite de oliva morno e um ramo de alecrim. Tape e deixe descansar por 10 dias em local seco. Use para cozinhar e temperar.

  • Chá de matruz

Também conhecido como erva-de-santa-maria, basta fazer uma infusão com 250ml de água e 1 colher de sopa de sementes e folhas e matruz. Deixe repousando por 10 minutos, coe e beba morno.

Pronto, agora você já sabe um pouco mais sobre endolimax nana, o que é, como age, sintomas que causa, como é feito o diagnóstico e também o tratamento. Aproveite essas informações!